Uma Banda de Rock Que Ultrapassa Os Clichês

A banda formada pelos irmãos Lucas (23) e Guilherme (24) chegou sabendo exatamente o que tem a dizer: temos um clichê que você precisa ouvir. 

Apesar de se apresentarem com o nome de “O Maior Clichê do Mundo” há cerca de 2 anos, os irmãos de Criciúma (SC) já tocam juntos desde pequenos e se descobriram músicos ao mesmo tempo, por influência e investimento do pai. “Desde que a gente se entende por gente, nosso brinquedo era algum instrumento, primeiro os do meu pai, depois os que ele nos dava, nunca um peão ou carrinho, contou Guilherme.  

Depois de um rock muito bem feito pela banda, uma das coisas que mais chama a atenção é o nome. Ele tem uma história nada clichê, como conta Guilherme: “Uma vez eu escrevi algo parecido com o nome que temos hoje na parede do meu quarto, algo como “o maior clichê que há, o maior clichê que existe…” fizemos a comparação com uma peça de impressora, que se chama clichê e essa peça meio que carimba, ela pega as coisas e deixa no formato dela. Nós cremos que Jesus é o maior clichê do mundo porque pega todas as coisas e deixa no formato Dele. Chegamos no consenso de chamar “O Maior Clichê do Mundo”, explicou.

A proposta da banda é levar e falar sobre as “coisas que importam de verdade”, como disseram: “Queremos falar com uma linguagem que alcance todo tipo de gente. Fazemos entender as coisas que importam de verdade na vida, as coisas que a gente consegue enxergar Deus, que não se limitam a um grupo de pessoas adorando a Deus na igreja, mas sim de maneira integral, nos momentos mais simples da vida, nos maiores clichês” completou.

Um grande marco para os irmãos de Criciúma foi participar do Festival Rock no Vale, evento organizado pelo grupo Jovens da Verdade no interior de São Paulo: “Participar do evento foi algo muito incrível que aconteceu na nossa vida e dividiu duas épocas, ‘O Maior Clichê do Mundo’ pré e pós Rock no Vale. Foi algo que impulsionou a gente. Conhecer pessoas tão admiráveis como o Marcos Botelho e toda a galera da organização, pessoas muito de Deus com uma visão de agregar pessoas, o evento mudou nossa vida.” concluiu Guilheme.

A participação da banda deu-se pela vitória no concurso de votação aberta nas redes sociais. Na final, “O Maior Clichê do Mundo” recebeu mais de 12 mil votos. Para eles, foi um momento de muito suspense, mas valeu a pena: “o processo de seleção, tirou nossa paz (risos) no bom sentido, mas foi muito incrível participar disso.” 

Eles contaram que a comoção na cidade onde moram foi total: “a minha cidade (Criciúma) apoiou demais, pediram voto, foi algo que movimentou muito a cena aqui e mostrou que “O Maior Clichê do Mundo” não é dois caras, é muito mais que isso, é muita gente. Chegamos no Rock no Vale para tocar como campeões e com esse senso de responsabilidade de estar representando uma cidade toda.”

Segundo Guilherme, 30 horas de carro para chegar ao evento valeram a pena: “Foi incrível tudo que o Rock no Vale pôde dar pra gente. Hoje podemos falar que temos um pouco mais de experiência, somos um pouco mais maduros, e como diz o ditado: ‘depois que toca em são paulo, toca no mundo todo!’ e a gente recebe essa profecia.”

 

Tomara que sim! Faça parte disso, ouça “O Maior Clichê do Mundo”. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s